Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Cuidado Paterno \ Homem \ Artigo

ONG: PAIS por JUSTIÇA !

Por: Fernando Duarte - Correspondente dO Globo

       

  Grupo reage a outra forma de opressão feminina

LONDRES

 

Não apenas o constrangimento impede que mais homens vítimas de violência doméstica venham a público relatar seu drama ou abandonem o lar. O medo de perder o contato com os filhos, por exemplo, é uma das principais justificativas em casos de maus-tratos regulares, sobretudo diante de um quadro pouco favorável aos pais em casos de separação em termos legais.

Pelo menos nesse quesito, há um forte lobby do Fathers 4 Justice, movimento criado em 2003 pelo consultor de marketing Matt O’Connor, que vivia às turras com a ex-mulher para ganhar acesso aos dois filhos do casal.

A solução de O’Connor para o problema foi se juntar a outros pais insatisfeitos e dar início a uma série de incomuns manifestações públicas, como a do sujeito que subiu na sacada do Palácio de Buckingham vestido de Batman ou da dupla que atacou o premier Tony Blair em pleno Parlamento com duas camisinhas recheadas com farinha de trigo.

— Sei que há gente que não gosta da maneira como protestamos. Mas campanhas provocativas são a única maneira de chamarmos atenção — afirma O’Connor.

Apesar das dificuldades, o grupo vem se expandindo. O Fathers 4 Justice conta hoje com filiais em EUA, Holanda, Itália, Canadá, Austrália e Suécia, e com o apoio de gente famosa, como Bob Geldof.

— Os integrantes desse grupo têm atitudes heróicas diante de uma legislação injusta — diz Geldof.

De acordo com estatísticas do governo britânico, cerca de 40% dos pais não tem contato direto com os filhos no Reino Unido.
 


Última atualização: 3/3/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
24 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital