Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

Uma nova iniciativa: FARMÁCIA AMIGA da AMAMENTAÇÃO?

Por: Prof. Marcus Renato de Carvalho, IBCLC

 /

 FARMÁCIA AMIGA do ALEITAMENTO MATERNO

Baby Friendly Pharmacy Initiative

Farmácia Amiga da Criança como os Hospitais/Maternidades

Vamos implantar no Brasil?

Marcus Renato de Carvalho

                                    De acordo com a OMS e a Federação Farmacêutica Internacional, “farmacêuticos  têm potencial e adequados recursos, para melhorar a demanda terapêutica e a qualidade de vida de pacientes e devem se colocar à frente, no sistema de cuidados com a saúde.” E mais, farmacêuticos devem ter importante papel na promoção à  saúde, incluindo-se nisto a nutrição.

Ao invés de serem restritas à  distribuição e venda de alimentos com propósitos médicos, as farmácias (e Drogarias) podem se tornar cenário de acolhimento aos princípios das políticas nacionais de proteção, promoção e apoio à alimentação infantil  otimizada. Baseado nesses princípios, uma associação sem fins  lucrativos italiana, a Il Melograno, que promove a prática de partos  centrados na participação familiar, desde 1981, recentemente lançou a  BFPI-Baby Friendly Pharmacy Initiative (Iniciativa da Farmácia Amiga da Criança).

A BFPI, foi concebida no início de 2007 e apresentada mais tarde nesse mesmo ano, num encontro organizado em Verona pela Associação  Farmacêutica em colaboração com autoridades de saúde locais.

No final  desse mesmo ano, a BFPI foi apresentada e discutida em Milão, no  Congresso de Iniciativas da Comunidade Amiga da Criança, organizada  pela UNICEF. As primeiras farmácias amigas da criança foram  oficialmente aprovadas em Verona-2007 e Bassano-2008. Entre 2008 e  2009, 17 farmácias se inscreveram com o intuito de se tornarem Amigas  da Criança e 63 farmacêuticos receberam treinamento específico baseado  no material da Organização Mundial de Saúde e UNICEF. Outros  profissionais de saúde, conselheiros e grupos de apoio às mães que  amamentam, foram envolvidos nas atividades.

A BFPI, logo se espalhou para outras cidades e regiões da Itália. Em  25 de março de 2010, uma farmácia em Verona recebeu o título de “Amiga  da Criança”, numa cerimônia onde estava presente o Ministro da Saúde  italiano, que apoiou oficialmente a iniciativa. A BFPI recebeu apoio  oficial também do Comitê Italiano para UNICEF, da Associação Cultural  de Pediatras e da IBFAN italiana. Portugal também tem em andamento um projeto para incorporar essa iniciativa.

Para se tornar Amigo da Criança, a farmácia deve cumprir 9 passos:

1.Ter norma escrita sobre a alimentação de crianças de primeira  infância, em concordância com a política nacional, com o Código  Internacional de Comercialização de Produtos Substitutos do Leite  Materno e subsequente relevância das resoluções WHA;

2.Treinamento de todo o pessoal envolvido ;

3.Informar todas as mães sobre os benefícios do aleitamento materno e  os riscos da alimentação com fórmulas;

4.Apoiar e encorajar todas as mães a iniciar e manter o aleitamento materno;

5.Adequar local para acomodação de mães com seus bebês e seus filhos;

6.Promover o aleitamento materno como norma e evitar a representação  da mamadeira;

7.Vender substitutos do leite materno apenas com prescrição específica  e evitar quaisquer promoções destes;

8.Comprar e vender substitutos do leite materno pelo preço de custo,  evitando campanhas que promovam desconto, bem como rejeitar promoções  de brindes para as mães;

9.Promover ativamente iniciativas e apoiar o aleitamento materno. (projetos comunitários, associando-se a outros atores sociais interessados  em promover o aleitamento materno).

Recomendo também um novo passo:

10. Informar as nutrizes os medicamentos que podem e que não devem ser tomados durante a amamentação.

 Cada um dos 9 passos tem entre um e 4 critérios considerados pelos  avaliadores, para checar o grau de obediência a cada um dos passos  referidos. Muitos dos passos e critérios, foram obtidos daqueles  contidos na Iniciativa Hospital Amigo da Criança e naqueles da  Iniciativas Comunitárias, com os quais os leitores do Atualidades em Amamentação estão familiarizados. Interessante notar que os passos 7 e 8  são novos e específicos para farmácias.

O passo 7, requer da farmácia, a remoção de suas prateleiras, de todos  os produtos que estão listados proibidos no Código Internacional e os  disponha atrás do balcão ou em cômodo separado; fora da área destinada  ao self-service. Os clientes devem fazer pedido específico pelo  produto e o farmacêutico treinado deve perguntar a razão da demanda e  ajudar a mãe a superar os problemas com o aleitamento, se houver algum.

O passo 8 implica na recusa da farmácia, em servir de intermediário ou  promotor de campanhas designadas pelas indústrias e destinadas ao  aumento das vendas. A farmácia deve rejeitar anúncios, brindes,  material impresso ou audiovisual, descontos, cupons, prêmios, vendas  casadas e outras formas de promoção, recusar-se a repassá-los aos  clientes e ainda não aceitar exposição de produtos sob o escopo do Código.

Uma vez tendo recebido o título de Amiga da Criança, a farmácia será  periodicamente submetida a uma avaliação externa para verificar se  ainda se adéqua aos 9 passos e seus critérios.

A Iniciativa Farmácia Amiga da Criança, deve se estender às 17.000  farmácias e 70.000 farmacêuticos na Itália; as taxas de aleitamento  materno exclusivo e a duração do aleitamento materno devem  indubitavelmente se elevar aos parâmetros recomendados.

Para o cumprimento do Passo 10, as farmácias e drogarias deverão dispor do Manual do Ministério de Saúde

Amamentação e uso de  Medicamentos e Drogas”, e outras publicações e sites específicos de informação segura sobre o tema.

Agradecemos a colaboração de Adriano Cattaneo – Itália e Adriana Pereira – Portugal

Fonte: IBFAN – Atualidades em Amamentação, dezembro de 2010.

 

Leia mais sobre Farmácias Amigas aqui no aleitamento.com

FARMÁCIA AMIGA da AMAMENTAÇÃO

 

 

 

 


Última atualização: 12/5/2015

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
24 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital